Quadro Epidemiologico

 

 
No mundo todo, uma em cada dez crianças já se apresenta com excesso do peso. São 155 milhões, segundo um levantamento feito pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Destas, aproximadamente 40 milhões são classificados como obesas, ou seja, estão bem acima do seu peso ideal. (Fiocruz) 
 
 
 
 
A criança ou o adolescente obeso corre o risco de desenvolver sérios problemas de saúde, como pressão alta, diabetes tipo 2, colesterol alto e até problemas cardíacos – doenças que antes praticamente só eram encontradas em adultos. Também tem muito mais chances de se tornar um adulto obeso. E, como se não bastasse, ainda tem que enfrentar os limites impostos pela obesidade, o preconceito e a discriminação das pessoas.